O cuidado da igreja com o novo convertido

13:30 0 Comments A+ a-

II Reis 4: 8-10



1.  INTRODUÇÃO
·     A igreja tem recebido de Deus muitas bênçãos e alimento espiritual em abundância
·     Muitas pessoas têm passado pela igreja a cada dia, em busca de alimento espiritual e  a igreja precisa estar atenta em obedecer a orientação do Senhor no que diz respeito à assistência aos visitantes.

2.  DESENVOLVIMENTO
·     Eliseu - nesta mensagem, é tipo do homem deste mundo, mas que é escolhido por Deus
·     A sunamita
·     mulher grave (rica, em outra versão)
·     tipo da igreja, que é rica em revelações
·     “O deteve a comer pão...” - a igreja oferece ao visitante o pão espiritual. Todas as vezes que trazemos alguém à igreja, estamos “detendo-o a comer pão”
·     Eliseu passa a ir sempre à casa da sunamita para comer pão - quando a igreja está na posição e o culto profético é uma realidade, o visitante volta sempre pela necessidade do alimento espiritual. Ele sabe que naquele lugar há pão para ele. A partis daí, ele se torna uma novo convertido.
·     “Ela disse ao seu marido...” - o diálogo da igreja com o Senhor
·     “Tenho observado que este é um homem de Deus...” - a igreja, na revelação,  tem o discernimento quando o visitante é uma pessoa escolhida por Deus
·     O que a sunamita oferece a Eliseu:
·     Um pequeno quarto - uma espaço para o novo convertido, onde ele seja assistido individualmente
·     Junto ao muro - compreensão. O novo convertido está sempre no limite entre a obra e a vida que levava no mundo. Mas deve estar sempre “dentro do muro”. Dele nunca se pode exigir ou forçar uma posição, principalmente no que diz respeito aos usos e costumes.
·     Ponhamos uma cama - descanso. A igreja é um lugar de descanso para o novo convertido
·     Uma mesa - comunhão (a família se reúne na mesa)
·     Uma cadeira - os meios de comunhão: clamor pelo Sangue de Jesus, oração, consagração, amor entre os irmãos, etc.
·     Um candeeiro - a Revelação, que ilumina tudo, mostrando, inclusive, a situação de descanso e conforto que o homem desfruta na presença do Senhor. Sem a luz do candeeiro, nada do que foi feito teria efeito.

3.  CONCLUSÃO

          “E vindo ele a nós, para ali se retirará” - o visitante ou novo convertido que é assistido dentro da orientação, voltará sempre até se tornar um servo. 

AVISO: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail válido).