Onde estás?

00:00 0 Comments A+ a-



Gênesis 4: 9 - Onde está Abel, teu irmão?

Esses dois textos se referem à primeira e à segunda pergunta de Deus feita ao homem na bíblia.

A primeira foi dirigida a Adão. E a segunda a Caim, filho de Adão.

A primeira pergunta de Deus se referia ao relacionamento d'Ele com o homem (vertical) e a segunda ao relacionamento do homem com o seu semelhante (horizontal).

Adão andava com Deus no jardim do Éden e dessa forma construiu uma relação de intimidade, de amigo, com Deus. Adão, assim, era extremamente privilegiado. Ouvia Deus todos os dias, e Deus também o ouvia.

Ocorre que essa relação foi interrompida por um momento, em razão do pecado. Este é o maior fator de separação entre Deus e o homem, e traz rompimento nessa relação vertical.

A pergunta "Onde estás?" não era referente a que parte do jardim se encontrava Adão. Nosso Deus é onisciente. A pergunta era para fazê-lo pensar: Adão, onde você foi parar? Porque você desprezou minha companhia e meus conselhos? Porque agiu assim Adão?

Deus se preocupa no relacionamento do homem com Ele. Hoje Ele te pergunta também: Onde você está? No caminho ou fora do caminho? Em obediência ou na desobediência? Estás perto ou estás longe?

Se a sua situação for como a de Adão Deus pode fazer um concerto contigo assim como fez com Adão. Onde há arrependimento genuíno está presente a misericórdia do Pai.

Já quanto a Caim, Deus pediu contas. Deus já sabia do primeiro homicídio. "Onde está Abel teu irmão?"

Antes deste ocorrer, Deus concedeu oportunidade, como sempre faz: "E o Senhor disse a Caim: por que te iraste? E por que descaiu o teu semblante? Se bem fizeres, não haverá aceitação para ti?"

Deus se preocupa com o relacionamento que temos com os irmãos. Abel era irmão de Caim. Por um momento de ira veio o primeiro homicídio da humanidade.

Para Adão veio concerto. Para Caim maldição. Deus é justo em todos os seus caminhos, conforme nos afirma a Palavra.

É fato que hoje vivemos debaixo da Graça, mas Deus hoje também nos questiona: Onde está teu irmão? "A ninguém devais coisa alguma, senão o amor".

Onde estás? Onde está teu irmão?


Bruno Pedrosa - Muriaé-MG

AVISO: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail válido).