A capa de Elias

07:49 0 Comments A+ a-



II Reis 2: 8-13

 INTRODUÇÃO

·     Eliseu foi chamado por Elias para a realização da Obra através de um gesto muito interessante: Elias colocou a sua capa sobre os ombros de Eliseu e ele deixou tudo e o seguiu
·     Elias: tipo do Senhor Jesus
·     Eliseu: tipo do servo fiel
·     A capa de uma pessoa era o que a identificava de longe quando ela estava passando
·     A capa de Elias sobre os ombros de Eliseu é tipo do Sangue de Jesus sobre a vida do servo, que ele passa a desfrutar desde o chamado (a conversão) e que o identifica como servo, tanto para o mundo, como para o Pai. É como se o servo passasse a ter a “identidade” de Jesus.


DESENVOLVIMENTO

·     Eliseu havia vivido uma experiência muito interessante: mesmo sabendo que Elias seria arrebatado, ele foi até o fim no intuito de receber uma bênção.

·     Eles passaram por vários lugares (Gilgal, Betel, Jericó e o Jordão), mas Eliseu soube esperar e ser fiel em busca da bênção - o servo fiel não abandona o Senhor Jesus um instante sequer e espera, que no momento certo a bênção vem.
·     Eliseu não deu ouvidos às muitas tentativas de demovê-lo do seu desejo de alcançar a bênção - o servo fiel enfrenta muitas situações e convites para deixar a Obra, mas ele não dá ouvidos e continua no caminho.

·     Elias abre o Jordão com sua capa - o Senhor Jesus tem realizado muitas maravilhas no meio da sua igreja e o servo fiel (Eliseu) tem acompanhado, visto de perto e até participado destas experiências (eles passaram juntos)
·     Elias pergunta: “... - o que queres que eu te faça?...”

·     A resposta de Eliseu:“... - porção dobrada do teu espírito sobre mim.” - a bênção que o servo fiel almeja é sempre espiritual. O seu desejo deve ser sempre de crescer na presença do Senhor, de alcançar experiências mais profundas com Ele. O adversário tem usado força dobrada para derrubar o servo, por isso é necessária PORÇÃO DOBRADA do Espírito Santo sobre a sua vida.
·     “Coisa dura pediste...” - O preço para alcançarmos estas bênçãos foi muito alto e foi pago no calvário pelo Senhor Jesus

·     “...SE ME VIRES...” -  A condição para receber a bênção era VER Elias no exato instante em que ele seria arrebatado e que ninguém sabia exatamente qual seria este momento. - O servo luta, paga um preço por uma bênção,  só a receberá se estiver ATENTO ao Senhor e à sua Obra. Se Eliseu desviasse os olhos por um único instante de Elias, este poderia ser o momento em que ele seria arrebatado e Eliseu perderia aquela bênção.

·     A capa que fica - A confirmação da bênção na vida do servo, a prova visível de que ele alcançou aquilo que ele tanto almejava é o renovo da salvação, do primeiro amor (o chamado), é a marca do Sangue de Jesus na sua vida.
·     Eliseu passa a usar a capa de Elias - o servo fiel tem a identidade de Cristo.
·     Eliseu abre o Jordão com a capa - “...os sinais seguem aos que crêem...” - o servo usa as bênçãos que têm recebido do Senhor na realização da sua Obra.

 CONCLUSÃO



Muitas vezes nós almejamos bênçãos do Senhor (dons, o levantamento para um grupo, a instrumentalidade na casa do Senhor) e lutamos por isso, mas é preciso estar constantemente atentos porque, a qualquer momento, esta bênção virá.

Wallace Oliveira Cruz

AVISO: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail válido).