A Graça no Calvário...

08:53 0 Comments A+ a-

Lucas 23:34, 39-43

E dizia Jesus: Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem. E, repartindo as suas vestes, lançaram sortes.
E um dos malfeitores que estavam pendurados blasfemava dele, dizendo: Se tu és o Cristo, salva-te a ti mesmo, e a nós.
Respondendo, porém, o outro, repreendia-o, dizendo: Tu nem ainda temes a Deus, estando na mesma condenação?
E nós, na verdade, com justiça, porque recebemos o que os nossos feitos mereciam; mas este nenhum mal fez.
E disse a Jesus: Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino.
E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso.

Quatro pontos que identificam a graça de Deus na vida do homem...
           
 1º) Tu nem ainda temes a Deus, estando na mesma condenação?
                    👇🏿
Ninguém fala e nem muito menos cobra alguém o “Temor a Deus” se não o tiver. O temor a Deus é o princípio da sabedoria, é o início de tudo; "novo nascimento"...
           
2º) E nós, na verdade, com justiça, porque recebemos o que os nossos feitos mereciam;
                   👇🏿
Segunda coisa que identificamos na vida do convertido, é a confissão de pecados, o reconhecimento que toda sua vida foi contrária as coisas eternas...

3º) Mas este nenhum mal fez.”
                      👇🏿
Ao reconhecermos nossos pecados, identificamos a “Santidade de Deus”.

 4º) “Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino.”

 O anseio da Glória Eterna

Contribuição:

Diácono Daniel / PR

AVISO: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail válido).